Sociedade Plural: Notícias de Cachoeira, Notícias Recôncavo Baiano, Arte e Cultura Afro Brasileira...

Notícias de Cachoeira, Recôncavo Baiano e Cultura Afro Brasileira

Imagem: negro no poder
Imagem: Paulo Sérgio

Opinião

Fatos e Opinião
Imagem: instrumento médico

Pandemia da Covid-19

Noticias da Covid-19
Imagem: Segundo autor

Empregos

Empregos no Recôncavo

Publicações de Sérgio Camargo neste sábado (7)

 O presidente da Fundação Cultural Palmares, Sérgio Camargo fez publicações contra a Esquerda e o Movimento Negro ontem (7)


Imagem: Publicações de Sérgio Camargo neste sábado (7)

No dia de ontem o presidente da Fundação Palmares, Sérgio Camargo fez algumas publicações em suas redes sociais para defender seus pontos de vista de extrema direita, contra tudo o que se espera de um dirigente da dessa instituição.  

Uma das primeiras publicações deste sábado (7): "Quando fui nomeado (nov/2019), a esquerda disse que eu não poderia assumir por estar "desconectado" das minhas "raízes africanas". Tem como ser mais racista do que isso? Difícil".

Não é racismo estas supostas considerações por parte da esquerda.

Ainda no dia de ontem Sérgio Camargo faz outra publicação: "Africanos foram corresponsáveis pelo tráfico negreiro. Durante séculos, capturaram milhões de negros no interior da África e os venderam, na costa, para os europeus. Enriqueceram! Querem cobrar a dívida histórica? Ok! Mas comecem por Serra Leoa, Guiné, Nigéria, Congo e Angola. Boa sorte!".

Na história da humanidade em alguma medida os diversos povos adotaram a escravidão, quase sempre  era por guerra ou por dívida; muito possivelmente era adotado nos países citados pelo atual presidente da Fundação Palmares; e não o modelo de escravidão brutal impostos pelos colonizadores europeus a partir do século XIV, nas Américas. A dívida histórica tem que ser cobrada aqui! é lamentável ver pessoas que deveria defender os ideais da Fundação, representar um movimento contrário.

Share:

Anúncio

Anúncio

Livro Racismo Estrutural - Silvio Almeida

Campanha: Doe Sangue, salve vidas!

Imagem: logo do EMOBA

Entre em contato através do telefone (71) 3116-5643, de segunda a sexta-fera, das 8h às 16h, ou envie um e-mail para horamarcada@hemoba.ba.gov.br.



Anúncio

Anúncio

Utilizamos Cookies

Utilizamos cookies para analisar o nosso tráfego. Ao navegar pelo nosso site você concorda com a Política de Privacidade.